Comportamento frente ao consumo de bebidas alcoólicas entre estudantes universitários e seu efeito sobre a função hepática

Verlúcio Alves de AGUIAR JÚNIOR, Eliabe do Carmo ALMEIDA, Caio Agostini Calheiros GROSSO, Tiago César Gouvêa MOREIRA, Christiane MARIOTINI-MOURA

Resumo


RESUMO: 

Foi investigado o consumo de bebidas alcoólicas de 30 universitários, entre 18 e 25 anos, na cidade de Muriaé (MG). Por meio de um questionário semiestruturado foram coletados dados sobre o tipo de bebidas alcoólicas ingeridas, quantidade e frequência da ingestão. Após a aplicação do questionário foi realizada a dosagem dos seguintes indicadores de função hepática: Transaminase Glutâmico Oxalacética (TGO), Transaminase Glutâmico Pirúvica (TGP), Gamaglutamiltransferase (GGT), Fosfatase Alcalina (FA) e proteína albumina. Não foram encontradas alterações relevantes que indicassem dano hepático no período avaliado. O consumo de bebidas alcoólicas vem aumentando entre os jovens adultos. Com isso, espera-se uma tendência de aumento no surgimento de lesões hepáticas devido ao consumo crônico do álcool, em indivíduos cada vez mais jovens, agravando o impacto na saúde pública.

Palavras-chave: Hepatotoxicidade, Álcool, Universitários.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.