Coinfecção de tuberculose e HIV/AIDS: uma análise do seu impacto no Município de Itaperuna-RJ e no Estado do Rio de Janeiro

Danillo Antunes Merat, Paulo Cavalcante Apratto Jr

Resumo


A infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) aumenta significativamente o risco de desenvolvimento de tuberculose ativa que é causada pelo Mycobacterium tuberculosis sendo transmitida pelo ar de paciente a paciente. A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS) destaca-se como enfermidade infecciosa emergente devido à grande magnitude dos danos causados às populações. Considerando a relevância da coinfecção para saúde pública percebe-se a necessidade da prevenção de novos casos, diagnóstico precoce, tratamento efetivo dos casos de tuberculose e controle do agravo dessa patologia pelo HIV. O objetivo desse artigo é realizar um estudo epidemiológico da tuberculose e AIDS no município de Itaperuna-RJ, investigando a coinfecção dessas duas doenças no município, analisando a relação entre elas e os óbitos encontrados. Os dados de notificação foram coletados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) e os dados de mortalidade do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) em pacientes coinfectados, maiores de 19 anos durante o período de 2009 a 2018 e analisados. Foram encontrados um total de 05 óbitos notificados no SIM e 34 casos notificados no SINAN no município de Itaperuna-RJ e 3.210 óbitos notificados no SIM e 12.369 casos notificados no SINAN no estado do Rio de Janeiro. O número de óbitos notificados pelo município e estado é muito menor do que o número de casos notificados de coinfecção o que demonstra que a prevenção não está funcionando corretamente, mas quando realizado o diagnóstico o tratamento realizado está sendo efetivo e impede a evolução da coinfecção ao óbito.


Texto completo:

PDF

Referências


BARREIRA, D.; GRANGEIRO, A. Avaliação das estratégias de controle da tuberculose no Brasil. Revista de Saúde Pública, São Paulo, v. 41, n. 1, p.4-8, 2007.

BOYD, A. T. et al. Addressing advanced HIV disease and mortality in global HIV programming. Aids Research And Therapy, v. 17, n. 1, p. 1-7, 2020.

BRITO, A. M.; CASTILHO, E. A.; SZWARCWALD, C. L. AIDS e infecção pelo HIV no Brasil: uma epidemia multifacetada. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, v. 34, n. 2, p.207-217, 2001.

FACCHINI, R.; PINHEIRO, T. F.; CALAZANS, G. J. Prevenção de HIV/aids, produção de diferenças e processos de mudança social. Sexualidad, Salud y Sociedad, v. 29, p.253-262, 2018.

GELAW, Y. A. et al. HIV Prevalence Among Tuberculosis Patients in Sub-Saharan Africa: a systematic review and meta-analysis. Aids And Behavior, v. 23, n. 6, p. 1561-1575, 2019.

GOLDMAN, L.; AUSIELLO, D. Cecil Medicina Interna. Ed. 23, Saunders Elsevier, 2011.

HENRY, R. T. et al. Factors Associated With and Characteristic of HIV/Tuberculosis Co-Infection: a retrospective analysis of second-line clinical trial participants. Jaids Journal Of Acquired Immune Deficiency Syndromes, v. 87, n. 1, p. 720-729, 2021.

HIJJAR, M. A.; et al. A tuberculose no Brasil e no mundo. Boletim de Pneumologia Sanitária, v. 9, n. 2, p.9-16, 2001.

HINO, P. et al. Tuberculosis in the street population: a systematic review. Revista da Escola de Enfermagem da USP, v. 55, p. 1-8, 2021.

JAMAL, L. F.; MOHERDAUI, F. Tuberculose e infecção pelo HIV no Brasil: magnitude do problema e estratégias para o controle. Revista de Saúde Pública, v. 41, p.104-110, 2007.

KASPER, D.L. et al. Harrison Medicina Interna. v.2. 19ª. Edição. Rio de Janeiro: McGraw¬Hill, 2016.

KHADEMI, F. et al. Bacterial Co-infections in HIV/AIDS-positive Subjects: a systematic review and meta-analysis. Folia Medica, v. 60, n. 3, p. 339-350, 1 set. 2018.

MARQUES, C. C. et al. Casos de tuberculose coinfectados por HIV em um estado do nordeste brasileiro. Enfermería Actual de Costa Rica, n. 36, p.1-15, 2019.

MOHAMMADI, Y. et al. Identifying risk factors for late HIV diagnosis and survival analysis of people living with HIV/AIDS in Iran (1987–2016). BMC Infectious Diseases, v. 21, n. 1, p. 1-9, 2021.

NEVES, L. A. S.; REIS, R. K.; GIR, E. Adesão ao tratamento por indivíduos com a coinfecção HIV/tuberculose: revisão integrativa da literatura. Revista da Escola de Enfermagem da USP, v. 44, n. 4, p.1135-1141, 2010

REIS, R. K. et al. Qualidade de vida, aspectos sociodemográficos e de sexualidade de pessoas vivendo com HIV/AIDS. Texto & Contexto - Enfermagem, v. 20, n. 3, p. 565-575, 2011.

REWARI, B. B. et al. HIV TB coinfection - perspectives from India. Expert Review Of Respiratory Medicine, p. 1-20, 2021.

RODRIGUES JR, A. L.; RUFFINO NETTO, A.; CASTILHO, E. A. Distribuição espacial da coinfecção M. tuberculosis/HIV no Estado de São Paulo, 1991-2001. Revista de Saúde Pública, v. 40, n. 2, p.265-270, 2006.

SULTANA, Z. Z. et al. HIV infection and multidrug resistant tuberculosis: a systematic review and meta-analysis. BMC Infectious Diseases, v. 21, n. 1, p. 1-13, 2021.

SZWARCWALD, C. L. et al. A disseminação da epidemia da AIDS no Brasil, no período de 1987-1996: uma análise espacial. Cadernos de Saúde Pública, v. 16, n. 1, p. 07-19, 2000.

VEIGA, W. A.; OLIVEIRA, C. G. A.; Levantamento Epidemiológico da Tuberculose no Bairro da Liberdade, Município de Natividade /RJ. Laes&haes, v. 1, n. 205, p.132-148, 2012.